quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

"Charlie Hebdo" recorda atentado na redação com edição especial

                                       
O semanário satírico francês Charlie Hebdo lançou uma publicação especial para lembrar os dois anos que se passaram do atentado à redação, que deixou 12 pessoas mortas.

Na capa, a publicação faz uma sátira ao mundo islâmico. “2017, finalmente o fim do túnel”, diz a manchete do semanário que foi para as bancas na última quarta-feira (4/1).

A ilustração mostra um homem que olha através de um cano de uma arma. Do outro lado há uma representação de um radical islâmico. O cartoon é assinado por Foolz, desenhista que entrou para a redação depois da tragédia.

A equipe do Charlie Hebdo foi atacada pelos irmãos Chérif e Said Kouachi em 6 de janeiro de 2015. Além dos 12 mortos, o ataque também deixou quatro pessoas feridas em estado grave. O atentado foi reivindicado pela célula terrorista da Al-Qaeda no Iémen.

(Com o Portal Imprensa)
 

Nenhum comentário :