quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Ligas de Camponeses Pobres denuncia assassinato em Vilhena - RO


                                                               

                     Latifúndio e Dilma/PT são responsáveis por chacina em Vilhena

As desencontradas notícias sobre mais uma covarde e cruel chacina em Vilhena, Rondônia, no último sábado, 17 de outubro de 2015, levantam a possibilidade de o ataque ter sido cometido por posseiros que teriam sido expulsos da terra por mais uma das famigeradas reintegrações de posse, que se tornaram marca registrada na gerência Dilma/PT/PCdoB.

É mentira!

Os camponeses que lutavam pela terra, no momento do ataque, haviam se dirigido à área em comissão das famílias para tentar um acordo com os funcionários da “propriedade”.

Inclusive, muito provavelmente estes representantes estão entre as vítimas, feridas e assassinadas.

Os companheiros da LCP de Rondônia, neste momento, estão prestando solidariedade às famílias das vítimas e se inteirando dos fatos verdadeiros.

Vinte anos depois do “massacre de Corumbiara”, que o PT e seus sequazes travestidos de historiadores se esforçam por enterrar, a dura realidade é que o latifúndio segue matando, aterrorizando, e acobertado pelo Estado brasileiro e seus gerentes de turno.

Assim que tivermos mais informações dos fatos, divulgaremos.

Por ora, o que cumpre é começar a desmontar a farsa da desinformação que tenta acobertar os criminosos e criminalizar as vítimas.

E terminamos com palavras de ordem que ecoaram no 8.º Congresso da Liga dos Camponeses Pobres do Norte de Minas e Sul da Bahia, nos últimos dias 10 e 11 de outubro, em Januária, MG:

“É terra, é terra, a quem nela trabalha ...”
“É morte, é morte, ao latifúndio ...”
“Fora Dilma, Fora PT, a terra vai ser nossa, o povo vai vencer!”

Comissão Nacional das Ligas de Camponeses Pobres

Nenhum comentário :